Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

UMA QUESTÃO DE TEMPO estreia em Fevereiro

UMA QUESTÃO DE TEMPO
de Jaime Salazar Sampaio
Encenação de Carlos Alves

De 1 a 3 de Fevereiro, na Casa do Coreto


Este espectáculo é sobre um espectáculo e sobre todos os espectáculos. É o tempo da nossa reflexão.

Um grupo de atores (um coletivo?, uma estrutura?, uma companhia?, uma empresa?, uma associação?) está a ensaiar... está a criar... está a pensar sobre... Há um espetáculo a ser pensado, trabalhado, ensaiado. Quem é o autor do texto? Quem é o encenador? Há encenador e autor? É preciso improvisar. Devised theatre, é isso? Não? Então é o quê? Um espetáculo a ser pensado. Em que momento nos preocupamos com o espectador neste processo? Nunca? Quase nunca? Será ele capaz de dizer? Dizer algo, impor-se, emancipar-se. Será ele capaz? Este espetáculo é sobre um espetáculo e sobre todos os espetáculos. Jaime Salazar Sampaio escreveu esta peça que se nos afigura em forma de questionamento e de ruptura. Escreveu-a em 1999. Como olhamos para ela em 2019 é tudo o que temos para mostrar. São…
Mensagens recentes

DITIRAMBUS CRIA PROGRAMA "AMIGO" COM BENEFÍCIOS PARA ESPECTADORES COOPERADORES

O interesse e a cooperação dos espectadores são um estímulo fundamental para quem faz Teatro. Gostamos de ter o público nos nossos espetáculos, pois claro. Mas pretendemos também que o espectador se sinta envolvido connosco, nas nossas criações, nos nossos projetos, em tudo o que fazemos para ele.
Por esta razão, desenvolvemos o programa "Amigo da Ditirambus". O Amigo é aquele que não está sempre ao pé de nós mas está quando é preciso.
Torne-se "Amigo da Ditirambus", cooperando, assim, nas nossas produções e obtendo benefícios de espectador das mesmas. Saiba como, no esquema em baixo:

O “Amigo da Ditirambus” entrega uma joia anual, ficando assim estabelecida a sua comparticipação na Associação pelo período de um ano. Ser-lhe-á, então, atribuído um número de espectador e um conjunto de privilégios, variáveis consoante a joia que escolheu pagar e de acordo com a tabela apresentada.
A joia anual é válida pelo período de um ano, a contar da data em que o pagamento é co…

ESPETÁCULO DE HUMOR COM JOÃO SEABRA - ABERTURA DA TEMPORADA 2018/2019

A nossa temporada 2018/2019 vai ter uma programação, no mínimo, ambiciosa; acima de tudo, espera-nos muito trabalho. Pois, queremos começar este tempo com uma festa e partilhá-la com o público, com muito boa disposição. Decidimos que ia ser assim. Juntem-se a nós, comprem já o vosso bilhete, a lotação é limitada.
Convidámos o humorista João Seabra para uma noite de comédia, em Lisboa. O espectáculo terá lugar no dia 8 de Setembro, no Auditório da SFUCO, nos Olivais.
Contamos, nesta festa, com o patrocínio da Teresa Marques e do Carlos Cruz, da Remax.

DITIRAMBUS: TEMPORADA 2018/2019 E NOVA DIREÇÃO

A Ditirambus esteve hoje reunida. Discutimos ideias, conversámos sobre a nova temporada que aí vem, a temporada 2018/2019, com novas produções, novos eventos e algumas novidades para os nossos espectadores. Também hoje iniciou funções a nova Direção, constituída por Carlos Alves, Joana Martins Lourenço e Rúben Silva. Os anteriores membros da Direção, Onivaldo Dutra de Oliveira e Célia Figueira mantêm-se nos órgãos sociais da Associação (ver lista completa dos órgãos sociais em baixo).
A Ditirambus é um projecto teatral com uma história grande. Os vinte e três anos da companhia estão recheados de grandes produções, várias deslocações pelo país, muitos autores, outros tantos atores que por aqui passaram. Estivemos nas Gaivotas, o actual Pólo Cultural das Gaivotas, em Lisboa, sim, essa foi a nossa sede, no início; agora, ensaiamos na zona mais ocidental da cidade; e é também aí que desenvolvemos e vamos manter uma forte ligação à Comunidade e às Freguesias daquela zona de Lisboa.
Esta his…

E SE FOSSE... ABSURDO?! - estreia em junho

A Ditirambus apresenta a nova produção "E Se Fosse... Absurdo?" em Lisboa, durante todo o mês de junho, no Teatro Bocage.
Este é um projeto dirigido pelo ator e encenador Marco Mascarenhas, que conta também no elenco com Onivaldo Dutra e Manuela Gomes.
"E Se Fosse... Absurdo?" retrata situações e dificuldades na vida de três atores, de uma forma tão divertida quanto acutilante.
Para ver de 1 a 24 de junho, no Teatro Bocage, em Lisboa.


JOGO D´ENGANOS - ARRAIOLOS

Tchekhov e Feydeau numa só noite.

Espetáculo encenado por Marco Mascarenhas, composto por duas comédias de autores distintos mas que seguem o mesmo espírito crítico face às atitudes dos seres humanos diante das relações interpessoais nas situações, muitas vezes embaraçosas, através do humor. «O Pedido de Casamento» de Anton Tchekhov trata-se de uma comédia que ridiculariza os medos que um jovem enfrenta, quando age por paixão, ao pedir a mão da sua amada em casamento à sua mãe, mulher seguidora das mais estritas normas de comportamento social. «A Sogra de Luís XIV» de George Feydeau é o segundo texto deste espetáculo. Uma comédia de enganos que mostra a relação conturbada de um casal, influenciado pelas normas de comportamento social estabelecidas na sociedade da época.
O espetáculo junta as duas peças no mesmo palco e a decorrer em simultâneo.

Não rir é impossível, é o que os espectadores que já foram assistir nos provam.

Elenco: Célia Figueira, Joana Lourenço, Carlos Alves, Onivald…

JOGO D' ENGANOS - ÚLTIMA SEMANA

Esta é a última semana da peça JOGO D' ENGANOS no Teatro Turim. De quinta a sábado, sempre às 21h30, aproveite para assistir ao espetáculo com que a Ditirambus encerra este seu ano de 20º aniversário. Não rir é impossível, é isto que os espectadores que já foram assistir nos provam.
Os bilhetes estão à venda online, através da Bilheteira Online, e na bilheteira do Teatro Turim.
Encenação: Marco MascarenhasElenco: Onivaldo Dutra, Manuela Gomes, Célia Figueira, Joana Figueira, Ana Campaniço, Carlos Alves e Rúben Silva Iluminação: Soraia Monteiro Sonoplastia: Ricardo Fernandes Produção: Ditirambus Apoios: Junta de Freguesia dos Olivais; Espaço da Juventude dos Olivais